English English Portuguese Portuguese

TV Pernambuco preparou programação especial na semana do Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+

Na semana em que é comemorado o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+, neste 28 de junho, a TV Pernambuco preparou uma programação especial com matérias jornalísticas, clipes do SomZeira com artista LGBTQIA+ e a exibição das séries Seja Quem Você É e Viva Quem Você É. Também terá o festival produzido numa parceria com o Instituto Sou Assim e TV7 Brasil, a ser exibido às 20h, desta terça-feira (28), logo após o Programa Giro Nordeste. O evento foi produzido pela Ong Instituto Sou Assim e tem programas que abordam o universo da comunidade LGBTQIA+, como debates, shows e documentários.

No jornalismo, durante toda a semana, o programa Repórter Pernambuco exibe matérias com a temática LGBTQIA+. A programação iniciada nesta segunda-feira (27), trouxe informações sobre o programa do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), com orientações para quem deseja adotar o nome social e sobre o Festival Sou Assim, a ser exibido às 20h desta terça (28), cuja proposta é conscientizar a sociedade sobre o orgulho LGBTQIA+ , fortalecendo o respeito às variadas orientações sexuais, a valorização da arte e o modo de vida da comunidade.

Também nesta terça (28), novamente o Repórter Pernambuco traz matéria sobre o lançamento da Cartilha Direitos da População LGBTQIA+, com a proposta de empoderar esse público e orientar a sociedade civil sobre a inclusão, reparação e promoção dessas pessoas. A cartilha foi produzida numa parceria do Governo do Estado com o Conselho Estadual dos Direitos da População LGBTQIA+. Todos os dias, o programa será encerrado com apresentações de artistas LGBTQIA+.

“A data marca a resistência de gays, lésbicas, bissexuais, travestis e transexuais diante do preconceito sofrido por essa população e a TV Pernambuco entra nesse debate trazendo à visibilidade essas pautas pelo direito à diversidade”, aborda o diretor-presidente da TV Pernambuco, Ivan Júnior.

Números – Cerca de 20 milhões de brasileiras e brasileiros (10% da população) se identificam como pessoas LGBTQIA+; 51% das pessoas LGBTQIA+ relataram ter sofrido algum tipo de violência motivada pela sua orientação sexual ou identidade de gênero; uma pessoa LGBTQIA+ é assassinada a cada 29 horas no Brasil e 68% dos jovens LGBTQIA+ já foram agredidos ou sofreram algum tipo de ameaça (Fonte: https://conteudo.fundobrasil.org.br/)

Serviço:
Sintonize a TV Pernambuco no Recife (46.1), Caruaru (12.1) e Petrolina (13.1)

Compartilhe em: